Crivo Rotativo

Modelo MAK CR

Descrição

O Crivo Rotativo MAK CR executa a separação e valorização dos resíduos pela sua dimensão.

Os resíduos são introduzidos pelo tapete transportador no interior do tambor rotativo. O interior do tambor é revestido por malhas de crivagem, podendo ter uma ou mais tipologias de malhas.  

O tambor rotativo assente em bloco de rodas, no seu movimento axial induzido pela rotação de um ou mais blocos de rodas, realiza a separação por dimensão dos resíduos em duas ou mais frações diferentes, dependendo do número de malhas existentes no tambor.

Outros elementos podem ser colocados no interior do tambor, como estrelas ou facas, que melhoram a desagregação dos resíduos, e desta forma aumentam a eficiência da crivagem.

Configuração

  • Velocidade de rotação entre 6 a 12 r.p.m.
  • Variação de velocidade no movimento de rotação.
  • Malha de crivagem em chapa anti-desgaste HB 400.
  • Malha de crivagem aparafusada à estrutura e, portanto, removível.
  • Diferentes malhas de crivagem de acordo com granulometria de separação pretendida.
  • Tambor apoiado em rodas com revestimento em poliuretano com dureza de 90 Shore.
  • Pistas de rotação maquinadas com elevada precisão, para garantir um movimento concêntrico.
  • Roda guia na extremidade do tambor rotativo.
  • Sistema anti-enrolamento.
  • Elementos de desintegração dos resíduos (estrelas ou facas)
  • Janelas de inspecção com dispositivos de segurança.
  • Porta de acesso ao interior com dispositivo de segurança.
  • Proteção em rede das rodas de apoio e da pista de rotação do tambor, com dispositivo de segurança.
  • Sensor de rotação.
  • Botões de paragem de emergência nas quatro extremidades
  • Iluminação interior.
  • Certificação CE.

Modelos

MAK CR | Série 2000

2/5/7
2/7/9
Diâmetro do Tambor (m)
2
Comprimento de crivagem (m)
5
7
Comprimento total do tambor (m)
7
9
Potência (kW)
11
15
Perfuração de crivagem (mm)
10-500
Inclinação do tambor (º)
4
Capacidade teórica (m3/h)
50
80

MAK CR | Série 2500

2/2,5/6/8
2,5/8/10
2,5/10/12
2,5/12/14
Diâmetro do tambor (m)
2,5
Comprimento de crivagem (m)
6
8
10
12
Comprimento total do tambor (m)
8
10
12
14
Potência (kW)
15
2×11
2×11
2×15
Perfuração de crivagem (mm)
10-500
Inclinação do tambor (º)
4
Capacidade Teórica (m3/h)
70
110
130
150

MAK CR | Série 3000

3/8/10
3/10/12
3/12/14
Diâmetro do tambor (m)
3
Comprimento de crivagem (m)
8
10
12
Comprimento total do tambor (m)
10
12
14
Potência (kW)
2×11
2×11
2×15
Perfuração de crivagem (mm)
10-500
Inclinação do tambor (º)
4
Capacidade teórica (m3/h)
145
170
210

Todos os dados estão sujeitos a alterações sem aviso prévio.